Warning: file_put_contents(): Only 0 of 7404 bytes written, possibly out of free disk space in /var/www/html/wp-content/plugins/elementor/core/files/base.php on line 180

A impressionante beleza panorâmica do Alasca, suas gigantescas geleiras da Era do gelo e a abundante vida selvagem o tornam um lugar como nenhum outro do planeta. Há muito o que fazer no Alasca, de atividades comuns a radicais. Seja qual for a sua opção, viajar pelo Alasca é diversão garantida!

1. Parque Nacional e Reserva de Denali

Denali possui seis milhões de hectares de terra selvagem, divididos por uma faixa de estrada. Viajantes ao longo dela podem observar a floresta de taiga de altitude relativamente baixa, onde dá lugar a altas montanhas alpinas e nevadas, culminando no pico mais alto da América do Norte, que fica a 6.190 metros de altura. Os animais selvagens, grandes e pequenos, vagam pelas terras sem proteção, vivendo da mesma forma por séculos.

2. Fazenda Musk Ox

Localizada em Palmer, a Musk Ox é uma organização sem fins lucrativos que se dedica a desenvolver o boi-almiscarado para arrecadar uma renda para a comunidade do Alasca. Os visitantes podem fotografar e interagir com os animais da Era do Gelo.

3. Sitka National Historical Park

Em uma ilha, entre pinheiros e cicutas, o Sitka National Historical Park preserva o local de uma batalha entre os invasores russos e a tribo indígena Tlingit. A restaurada Casa do Bispo Russo fala sobre o legado colonial pouco conhecido da Rússia na América do Norte.

4. Reserva e Parque Nacional de Katmai

Katmai foi fundada em 1918 para proteger a região vulcanicamente devastada em torno de Novarupta e o Vale dos Dez Mil Fumos. Hoje, o Parque Nacional e Reserva de Katmai também protege 9.000 anos de história humana e é um importante habitat para salmões e milhares de ursos marrons. Além desses animais, os visitantes podem encontrar alces, caribus, lobos, raposas vermelhas, aves aquáticas, águias, focas e baleias.

5. Museu Anchorage

O maior museu do Alasca conta a verdadeira história do país através da arte e design, história, ciência e cultura. Explore as culturas nativas do Alasca com uma coleção da Smithsonian Institution. Possui tanques de vida marinha, um planetário e mais de 600 artefatos de povos nativos.

6. Reserva e Parque Nacional da Baía Glacier

Com uma vasta área de 3,3 milhões de acres de altos picos, geleiras dinâmicas, florestas e costas selvagens, o Glacier Bay National Park é um dos destaques do sudeste do Alasca e faz parte de um patrimônio mundial de 25 milhões de acres – um dos maiores do mundo Áreas protegidas.

7. Alasca Marine Highway

A estrada irá levá-lo para um destino com incrível visualização de geleiras como Gustavus-Glacier Park Bay Nacional e Geleira Juneau-Mendenhall. Muitas geleiras são acessíveis a pé, mas agentes de viagem também oferecem experiências para visitantes de todos os interesses e habilidades. Faça um passeio de helicóptero e aterre em uma geleira para uma aventura de caminhada ou de trenós puxados por cães.

8. Centro de Vida Marinha do Alasca

O Alaska SeaLife Center é a única instalação no Alasca que combina um aquário público com pesquisa marinha, educação e resposta da vida selvagem. Os visitantes têm encontros próximos com papagaios-do-mar, polvos, focas, leões-marinhos e outras formas de vida marinha enquanto aprendem sobre o trabalho que os pesquisadores realizam tanto no campo quanto nos laboratórios.

onde comprar:

(nossa seleção de empresas de turismo especialistas nesse destino)